Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

Divulgado regulamento para continuidade de estudos e mudança de turno

Está aberto, até dia 11 de março, o prazo para requerer Mudança de Turno.  A solicitação deve ser feita presencialmente nos Colegiados de cursos. Nos dias 10 e 11 de março, estará aberto o período de submissão de requerimento online, por meio do Sistema Acadêmico de Graduação (SiGA), para continuidade de estudos. Os dois processos se referem a vagas remanescentes, para ingresso no segundo período letivo, em cursos de graduação da UFMG. As informações sobre os procedimentos estão disponíveis nesse regulamento. O candidato poderá acessar o quadro de vagas no site do DRCA.

A Mudança de Turno é uma modalidade de preenchimento de vagas remanescentes que permite ao estudante alterar seu vínculo ao turno de seu curso (nos casos de cursos ofertados em mais de um turno de funcionamento). Nesse caso, o candidato também deverá observar a disponibilidade de vagas no turno pretendido e atender os critérios estabelecidos em Regulamento próprio de cada Colegiado, em conformidade com a Resolução CEPE nº 14/2018.

Continuidade de estudos é uma modalidade de preenchimento de vagas remanescentes que permite a readmissão, na UFMG, de estudante que tenha integralizado um curso de graduação na instituição. Essa possibilidade é para quem quer obter outro grau acadêmico (Bacharelado ou Licenciatura) no curso de mesma denominação, outra habilitação no mesmo curso ou obtenção de diploma em outro curso. É necessário que haja disponibilidade de vagas no curso para essa modalidade.

Outras condições para requerer a continuidade de estudos são: ter integralizado curso de graduação na UFMG há no máximo 2 (dois) períodos letivos, considerando como única exceção possível o caso previsto no parágrafo único do art. 7o da Resolução CEPE nº 14/2018, de 09 de outubro de 2018;  dispor de saldo de integralização (SI) suficiente para a obtenção de novo grau acadêmico ou nova habilitação no mesmo curso, ou do novo diploma em curso diferente, demonstrado por meio de um plano de integralização detalhado elaborado pelo estudante e possuir condições de integralizar, no período letivo atual, o curso de graduação o qual está vinculado, quando for o caso.

Demais informações sobre os procedimentos podem ser verificadas no Regulamento.