Brasil – Governo Federal – Ministério da Educação

O Ensino Remoto Emergencial (ERE), alternativa  encontrada para as aulas continuarem durante a pandemia da Covid-19, gerou a necessidade dos estudantes de graduação da UFMG se adaptarem a uma nova forma de estudar, num contexto nem sempre favorável, e deparando-se com diversos desafios. Para dar um suporte nesse momento, alguns setores da UFMG trabalharam de forma colaborativa e criaram o projeto Diálogos com estudantes. A iniciativa, parte do Programa Integração Docente, focará em ações voltadas para os discentes. 

Os editais dos processos seletivos da UFMG para o Teatro Universitário (TU), o Colégio Técnico (Coltec) e o curso de Licenciatura em Educação do Campo (Lecampo) foram publicados no dia 13 de novembro. Em razão da pandemia de covid-19 e da necessidade de se manter distanciamento social, alguns processos sofreram alterações em relação às suas edições passadas.

Estudantes de graduação da UFMG receberão, a partir do dia 30 de novembro, um questionário com perguntas de múltipla escolha, de caráter objetivo e subjetivo, a respeito do ensino remoto emergencial (ERE). Professores e servidores técnico-administrativos  receberão as suas versões da consulta a partir de dezembro. Trata-se do segundo instrumento do processo de avaliação e monitoramento do ERE, elaborado com base na análise das respostas aos resultados do primeiro questionário, distribuído cerca de dois meses após o início das aulas remotas, em 3 de agosto. O ERE foi adotado pela UFMG em razão das restrições de circulação e convívio de pessoas para prevenção da covid-19.

Atenção

As orientações sobre matrícula e a relação das atividades das Formações Transversais (FTs), que serão ofertadas remotamente no 2° período letivo de 2020, já estão disponibilizadas para consulta.

Os estudantes de graduação poderão efetuar, na próxima semana (10 a 13 de novembro), sua matrícula para o segundo período de 2020 por meio da nova versão do aplicativo mobile Siga UFMG, desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI). O objetivo da ferramenta é facilitar o processo e simplificar o acesso às informações acadêmicas.

O resultado final da Chamada do PDEG já pode ser acessado aqui. O Programa tem o objetivo de promover a qualidade e a inovação do processo de ensino- aprendizagem–avaliação  nos cursos de graduação da UFMG com a utilização de estratégias pedagógicas e ou ações para a redução da retenção, da evasão, do tempo de integralização e aumento do rendimento médio na graduação. Não houve interposição de recursos contra o resultado preliminar.