Brasil
< Início

Palestra na EBA, aberta ao público aborda danças ancestrais e feminilidade

14910459_1438091172885570_7789824176704181525_n

Foto: Pilar López Pérez

Na próxima segunda, 14,  Paula Lena, pesquisadora e coreógrafa argentina ministra a palestra Danças ancestrais para a feminilidade atual. Aberta ao público, a atividade começa às 19h, no auditório Álvaro Apocalypse da Escola de Belas Artes, no campus Pampulha da UFMG (Av. Antônio Carlos, 6627, Pampulha)

A professora é coreógrafa e dançarina em seus próprios espetáculos e de outros diretores da argentina, da América Latina e da Europa. Sua formação inclui balé clássico, dança contemporânea, dança-teatro, composição coreográfica, tango e teatro. Paula Lena desenvolve pesquisas sobre história e arte da dança do ventre feminina e publica os resultados de seus estudos em vários meios de comunicação de todo o mundo. Na atividade de segunda, a artista apresentará seu primeiro livro, Neo Baladí. Reflexiones sobre, para, desde la Danza Oriental, lançado pela editora Libro Luminoso.

O evento, que integra as comemorações dos 60 anos da Escola de Belas Artes, é promovido pelo colegiado do Curso de Dança da UFMG.

AV. Antônio Carlos, 6627 - Pampulha - prédio da Reitoria, 6° andar - Belo Horizonte - MG/CEP 31270-901